Grammy Awards: A noite de Sam Smith

O Grammy Awards 2015 mal acabou e nós já estamos com saudades! A maior premiação da música internacional foi um verdadeiro sucesso, caso alguém ainda duvidasse disso. E para comprovar o que já era esperado: Sam Smith foi o nome da noite. O britânico faturou quatro estatuetas e o título de grande vencedor do 57º Grammy Awards

E não foi só isso! Muitas surpresas e apresentações inesquecíveis abrilhantaram ainda mais a entrega dos prêmios. Uma novidade bem interessante para este ano é que a produção do Grammy optou priorizar a boa música, nada de muita conversa e enrolação. Mais de 30 artistas subiram ao palco, e olha, foram todas apresentações incríveis!

Algumas merecem um comentário especial, e são elas:

Madonna em sua roupa bafo de toureira. Gente, quanto mais o tempo passa, mais ele faz bem à Madonna. Ela simplesmente arrasou na performance de “Living for Love”, e mostrou, definitivamente, porque é a rainha do Pop.

Hozier e Annie Lennox e suas vozes únicas. Olha, mesmo quem nunca tinha ouvido falar desses dois, com certeza ficou apaixonado pela interpretação de “Take me to church”. Há boatos de que essa tenha sido a melhor apresentação da noite.

Katy Perry, que foi aplaudida de pé ao cantar “By The Grace of God”, mostrou que, literalmente, não precisa de uma estatueta para provar o seu talento. A cantora arrancou lágrimas dos olhos de toda a plateia.

E claro, a bela homenagem ao filme “Selma” feita pela linda, leve e angelical Beyoncé, e pelos incríveis John Legend e C’ommom.

Outra homenagem bem legal no Grammy deste ano, foi feita ao incomparável Stevie Wonder. Momento este que foi eternizado por ninguém menos que Usher.

Agora o bafão da noite foi SEM DÚVIDAS a entrega do prêmio de Álbum do Ano. Todo mundo contando que a briga seria entre Sam Smith, Beyoncé e Ed Sheeran. Sam até havia dito que se ganhasse poderia entregar a estatueta para Queen B. Momentos de tensão e ansiedade… E o Grammy foi para: Nenhum deles. É isso mesmo. Quem faturou o prêmio mais importante da noite foi Beck, com Morning Phase.

Confira abaixo os vencedores:

 

Artista Revelação – Sam Smith

 

Melhor Performance Pop Solo – Happy – Pharrell Williams

 

Melhor Álbum Vocal Pop – In The Lonely Hour – Sam Smith

 

Melhor Álbum de Rock – Morning Phase – Beck

 

Melhor Performance R&B – Drunk In Love – Beyoncé e Jay Z

 

Melhor Álbum Country – Platinum – Miranda Lambert

 

Álbum do Ano – Morning Phase – Beck

 

Canção do Ano – Stay With Me – Sam Smith

 

Gravação do Ano – Stay With Me – Sam Smith

 

Por Jessica Di Risio

 

 

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES