Tá no contrato! Taylor Swift pode quebrar as câmeras dos fotógrafos

Durante essa semana, Taylor Swift deixou muito claro porque não disponibilizaria o “1989” no Apple Music, e enviou uma carta aberta para a plataforma exigindo mudanças na política da empresa, que não paga um centavo aos cantores. E não é que isso causou um rebuliço danado?

O fotógrafo Jason Sheldon aproveitou a situação, e resolveu postar sua própria carta aberta à moça Taylor junto com uma cópia do formulário de autorização para fotografar os shows da cantora. Isso porque o fotógrafo afirma que Taylor é hipócrita por querer que músicos sejam pagos pelo seu trabalho, enquanto ela mesma é acusada por distribuir um contrato que proíbe os fotógrafos dos mesmos direitos. Mas isso não é o pior…

Outro fotógrafo, Joel Goodman, postou uma cópia dos novos formulários de autorização, e neles não só estão a restrição dos direitos como também uma cláusula que diz o seguinte: Se um fotógrafo não cumprir qualquer parte do contrato, o que inclui a publicação de uma imagem, ou tentar vender uma, é permitido que a Firefly Entertainment, Inc., confisque e/ou destrua a câmera, equipamentos ou dispositivos com os arquivos das fotografias.

Taylor ainda não se manifestou sobre o assunto.

taylor stop

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES