Com arbitragem polêmica, Palmeiras sai na frente do Santos na decisão

 

Palmeiras e Santos protagonizaram o clássico mais importante do campeonato, neste domingo, na final do Paulistão.

Com vários erros da arbitragem, os santistas reclamaram do impedimento de Robinho no lance do gol palmeirense e o pênalti cometido por Paulo Ricardo. O juizão chegou até dar o cartão vermelho para o jogador errado. PÉSSIMO! Ele ia expulsar David Braz, ao invés de Paulo Ricardo.

O Palmeiras abriu o placar aos 29 minutos e dominou o primeiro tempo, não deixaram o Santos nem se quer chutar a gol. Já no segundo tempo, o Verdão tirou o pé do acelerador. Com um jogador a mais, o time da casa teve a chance de ampliar o placar com um pênalti, mas Dudu desperdiçou.

Teve de tudo no jogo! Os dois técnicos foram expulsos no intervalo. Oswaldo acabou na arquibancada, descumprindo a ordem do juiz que foi muito mal no jogo.

A finalíssima será no domingo, na Vila Belmiro, a partir das 16h. O Palmeiras jogará pelo empate. O Santos precisa vencer por dois gols de diferença para ser campeão. Se o Peixe ganhar por um de vantagem, a decisão será nos pênaltis.

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES