Como uma boa sátira aos filmes de espiões, vale a pena conferir “A espiã que sabia de menos”

Susan Cooper, personagem da comediante sensação da atualidade dos Estados Unidos, Melissa McCarthy, é uma despretensiosa analista da base da CIA, e uma heroína nada reconhecida por trás das missões mais perigosas da agência.

Quando o personagem de Jason Statham fica comprometido, Susan é a primeira voluntária para se infiltrar no mundo de um traficante de armas mortais e evitar um desastre global.

Esse é o terceiro longa do diretor Paul Feig que tem Melissa McCarthy na personagem principal, as outras duas produções foram “Missão madrinha de casamento” e “As Bem-Armadas”. Feig é conhecido como um “diretor de mulheres”, e utiliza sempre protagonistas femininas em seus filmes, dando voz e força para elas.

No longa, podemos ver várias referências ao agente mais famoso da sétima arte: 007. Tanto a abertura do filme quanto Bradley Fine , personagem de Jude Law, são claramente inspirados em James Bond, com um quê de sacana e politicamente incorreto.

“A espiã que sabia de menos” já está em exibição nos cinemas de todo o país.

Confira o trailer:

 

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES