Em entrevista Kristen Stewart fala sobre sexo no cinema e os problemas da fama

A atriz que considera a fama “a pior coisa do mundo”  este mês está na capa da revista britânica Harper’s Bazaar. Em entrevista ela voltou a falar sobre os problemas da fama e como foi difícil fazer cenas de sexo em “Crepúsculo”.

Sobre o sexo no cinema a atriz diz que é a favor, mas não gosta quando “as cenas são contraditórias” e “grotescamente desconfortáveis”. Kristen voltou a comentar, ainda, que considera a carreira de atriz mais difícil do que a de um ator. “As mulheres precisam, inevitavelmente, trabalhar um pouco mais pesado. Hollywood é repugnantemente sexista. É tão louco e ofensivo”, lamentou.

Mesmo tendo feito diversas cenas de sexo em sua carreira Kristen disse na entrevista que a mais difícil foi a com Robert Pattinson, quando estava na pele de Bella. “Em ‘Crepúsculo’ tivemos a cena de sexo mais épica de todos os tempos. Tinha de ser transcendente e sobrenatural, desumano, um sexo melhor do que você pode imaginar, e nós ficamos tipo: ‘como podemos interpretar isso?’. Era uma agonia. E isso é uma porcaria, porque eu queria que ficasse muito bom”, comentou ela, não muito feliz com o resultado final do trabalho.

Sobre a fama ela comentou que vê como o pior aspecto do seu trabalho “Fama é a pior coisa do mundo. Especialmente se é inútil. Quando as pessoas dizem ‘eu quero ser famoso”, eu me pergunto ‘por quê?’. Você não faz nada com isso”, declarou.

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES