Heroínas do grupo “A-Force” é alvo de polêmica e criticas

Recentemente, a Marvel Comics anunciou sua nova franquia de série, a “A-Force”, que são como os vingadores, mas apenas com mulheres em seu “grupo”. A novidade foi bem aceita pelos fãs, pois não há muitos motivos para não ser bem aceita, certo? Bom, o colunista do jornal “The New Yorker” não gostou da novidade e irritou a autora a tal ponto, que ela veio à publico responder.

Segundo o artigo de Jill Lepore, intitulado “Olhando para as Super-Heroínas como Garotos de 10 Anos”, o visual das personagens “parece com o de estrelas pornô”, com “todas as garotas tendo, tipo, decotes gigantes”.

A autora, G. Willow Wilson, mostrando-se completamente irritada com a coluna, escreveu:

As heroínas na capa de ‘A-Force’ #1 estão posicionadas de uma maneira bem específica. Elas nos olham de cima pra baixo. A Mulher-Hulk está com os braços cruzados sobre seu tórax. Nenhuma personagem está na pose ‘brokeback’ (vou deixar para que a Dra. Lepore procure isso no Google), nenhum dos bumbuns delas está no ar. Nenhuma delas estão objetificadas sexualmente da forma que se tornou um padrão nas décadas recentes. Elas estão, em outras palavras, da mesma forma que seus colegas homens costumam posar. Elas estão posando como heroínas”. 

A revista tem previsão de lançamento, para os Estados Unidos, dia 27 deste mês.

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES