O que nós sabemos (e suspeitamos) estar vindo com o iOS 8.1

A primeira grande atualização do sistema operacional da Apple provavelmente virá antes do esperado.

Na última semana, várias publicações de tecnologia informaram terem visto nos relatórios de acessos de suas páginas (que informam o sistema operacional e versão utilizados) referencias ao iOS 8.1, 8.2 e 8.3. As versões 5, 6 e 7 só tiveram uma atualização importante durante seus respectivos tempos de vida, por isso evidencias de três diferentes atualizações sendo testados simultaneamente, soam como uma estranha surpresa.

Tudo indica que muito em breve teremos a primeira grande atualização. Há cerca de uma semana a Apple liberou a segunda versão beta do iOS 8.1 para seus desenvolvedores e rumores dizem que essa atualização ocorrerá ainda esta semana ou na próxima. Há quem garanta que essa atualização irá incluir um punhado de recursos significastes. Abaixo listamos os mais importantes:

Apple Pay

A Apple anunciou esta novidade no lançamento dos novos iPhones em setembro, mas confirmou que ela não seria disponibilizada antes de outubro. Rumores dizem que no código do iOS 8.1 beta foram encontradas várias referências ao serviço, e o prazo dado para a companhia para o lançamento do serviço “bate” com o prazo para o lançamento da nova versão do iOS.

O recurso mais importante do Apple Pay é suportar pagamento sem contato usando a tecnologia NFC disponível nos aparelhos iPhone 6 e iPhone 6 Plus. Para pagar os usuários aproximam o aparelho do leitor NFC com o dedo no sensor digital (TouchID) do aparelho. O outro recurso permite ao Passbook salvar cartões de crédito e débito que podem ser usados com os aplicativos compatíveis com o Apple Pay. A Apple não envia as informações do cartão do usuário aos varejistas ou recolhe informações para si mesmo, adicionando uma camada de proteção contra o vazamento de informações de cartões que se tornaram bastante comuns no varejo.

Ambos esses recursos do Apple Pay necessitam do chip NFC e de um “elemento de segurança” que protege os dados do cartão, disponíveis apenas nos iPhone 6 e 6 Plus. Usuários dos iPhones mais antigos não poderão se beneficiar imediatamente do recurso, porém os modelos 5, 5C e 5S podem se beneficiar do pagamento sem contato do Apple Pay, desde que pareados com um Apple Watch (ainda não lançado e com rumores de previsão de lançamento para o início de 2015). O Apple Pay não será parte do iOS 8.1 para grande parte dos aparelhos da Apple, porém milhões de usuários dos novos iPhone 6 já se beneficiarão da novidade.

Mensagens SMS em todos dispositivos

A maioria dos recursos de “continuidade” anunciados no último evento da Apple foram implementadas na versão inicial do iOS 8, com uma notável exceção. Apesar de ligações para seu iPhone poderem ser repassadas para iPads com iOS 8 e para Macs com o OS X Yosemite, as mensagem SMS ainda não podem.

SMS em todos os dispositivos é um recurso que a Apple garantiu que seria lançado em meados de outubro, fazendo dele então um natural candidato para estar incluído no iOS 8.1. Alguns sites já estão informando que o recurso funciona no iOS 8.1 beta. Depois do recurso habilitado, textos padrões deverão ser entregues em todos os dispositivos logados em sua conta da Apple, como o iMessage já faz.

Partindo do princípio que a versão OS X Yosemite será lançado ainda em outubro, faz total sentido que a Apple tenha todos os recursos de “continuidade” habilitados e funcionando.

Suporte para os novos iPads equipados com TouchID

Novos hardwares da Apple geralmente vem com uma nova versão do iOS que ofereça suporte para aquele hardware. Por exemplo, o iOS 7.0.3 foi lançado no mesmo dia em que o iPad Air e o iPad Mini Retina foram anunciados.
Os betas do iOS 8.1 já estão vindo com alguns recurso dos novos iPads, o mais notável é o suporte ao novo sensor TouchID. O TouchID foi adicionado ao iPhone 5S cerca de um mês antes do lançamento do iPad Air e do iPad Mini Retina, mas rumores apontam que a empresa teve dificuldades de fabricá-los para os iPads naquela ocasião. Isso pode explicar por que o recurso esteve ausente dos tablets lançados no último ano, mas será um recurso natural nos modelos que serão lançados muito em breve.

Melhorias de estabilidade e resolução de bugs

Apesar das experiências com o iOS 8.0 terem sido em geral muito boas, ocasionalmente nos deparamos com alguns problemas com os novos iOS em sua fase inicial. Algumas pessoas tiveram problemas com a tela de bloqueio do aparelho, um usuário foi alterar o papel de parede de seu aparelho e precisou restaurá-lo por completo, outros notaram bugs no novo app Saúde, porém esses erros nem sempre se repetem e nem todos os usuários sofrerão com eles, mas eles podem ocorrer.

O iOS 8.0.2 fixou alguns bugs (incluindo o grande bug introduzido no iOS 8.0.1 que desabilitava o serviço de celular e o TouchID de alguns aparelhos), mas o iOS 8.1 passou mais tempo em desenvolvimento, e como tal deve resolver ainda mais problemas. Embora não tenhamos muitas esperanças, nós também gostaríamos muito de que a nova versão trouxesse melhoria no desempenho do novo iOS no iPhone 4S, no iPad 2, e em outros dispositivos que usam o chip Apple A5. O que nos anima foi o fato da Apple, na versão 7.1 do iOS, ter melhorado a performance do sistema operacional nos aparelhos iPhone 4 com o iOS 7.

Quanto aos iOS 8.2 e 8.3, ainda não dá para saber muita coisa, mas estamos apostando que um deles será lançado no início do próximo ano junto com o Apple Watch, já que os relógios irão trabalhar em conjunto com os iPhones.

Nós vamos nos manter atentos e assim que os novos iOS 8.1 saírem do forno faremos uma resenha completa do nosso test-drive.

Por Marcelo Srougi

Redação Metropolitana

Redação Metropolitana

Redação em METROPOLITANA FM
Somos a Metropolitana com muito Yes pra você! 98.5 FM
Redação Metropolitana

Deixe seu comentário

NOVIDADES